PORQUE SINCERAS?

Na Arbó | Imagens Sinceras, sabemos que atribuir valor a um trabalho artístico não é nem um pouco simples. O trabalho do artista – aquele que faz, que pensa, que executa – é abstrato demais para ser transformado em um número. Por outro lado, sabemos que o mercado de arte trabalha dessa maneira, com preços.

Como calculamos o preço – Imagens Sinceras

Na tentativa de humanizar e fazer com que esse processo seja o mais transparente possível, decidimos abrir todos os custos que envolvem os 265 reais que você está pagando por uma obra de arte e por isso, aqui, as imagens são sinceras.

Entenda o processo

Abaixo, identificamos os processos e porcentagens envolvidos na produção das obras, para que o valor pago fique o mais claro possível. Sabemos que não se trata de uma matemática elementar nem intuitiva.

  • A montagem das imagens sinceras é feita com os melhores materiais museológicos do mercado, entregues pra gente pela SOMAR. A madeira usada nas molduras, por exemplo, é a caixeta de reflorestamento, e pode vir em tom natural de madeira ou tingida de preto. Isso corresponde a 19% do preço.
  • A embalagem caprichada, segura e reaproveitável representa 3% do valor total.
  • Os impostos, taxas do banco e das operadoras abocanham 10%.
  • As despesas fixas com aluguel, tretas, água, luz, faxina, contador, cafezinho, IPTU, consomem 12%.
  • A porcentagem que vai para os artistas é 23%, afinal, nada faria sentido sem eles.
  • Curadoria, edição, tratamento, terapia artística e tudo o mais que fazemos a quatro mãos, aqui na Arbó Imagens Sinceras corresponde a 15%.
  • A impressão, feita em pigmento mineral em papel de algodão Hahnemühlle Museum Etchings 350g, custa 18% do valor pago.

Prefere ver tudo isso em forma de gráfico? Não tem problema!

E, se você precisar de mais informações, entre em contato com a gente. Será um prazer conversar sobre todo esse processo de aprendizado.

© Copyright - Arbó - Imagens Sinceras 2018